CIRURGIA PLÁSTICA 1CIRURGIAS PLASTICASRINOPLASTIA

Cirurgia modeladora e reparadora de nariz (Rinoplastia)

Cirurgia plástica post-rino

A rinoplastia modeladora é um procedimento que melhora a aparência e a proporção do nariz, enquanto realça a harmonia facial, o que oferece maior autoestima ao paciente. Normalmente as incisões são realizadas tanto no interior do órgão quanto na columela (faixa estreita de tecido que separa as narinas). Através delas, os tecidos moles são cuidadosamente levantados, para facilitar a remodelagem da estrutura nasal, que pode ser reduzida ou aumentada com o uso de cartilagem enxertada de outras áreas do corpo, como do septo (partição no meio do nariz), da orelha e, por raras vezes, até das costelas.

Com a estrutura subjacente do nariz já esculpida, a pele e o tecido nasal são acomodados e as incisões, inclusive as feitas nos sulcos naturais das narinas para alterar seu tamanho, são fechadas. Em seguida, o cirurgião introduz, por alguns dias, tampão nas narinas para dar sustentação à nova estrutura. A partir de então, enquanto o inchaço inicial diminui ao longo de algumas semanas, o novo contorno nasal pode levar até um ano para ser redefinido completamente.

Já a cirurgia reparadora destinada a remodelar a via aérea obstruída, requer avaliação cuidadosa da estrutura nasal no que se refere ao fluxo de ar e respiração. Depois, a correção de desvio do septo e a redução das saliências no interior do nariz, uma das causas mais comuns de insuficiência respiratória, é conseguida através do ajuste de alinhamento da estrutura nasal, o que irá conferir uma melhora na respiração.

Desvio do septo

 

Foto: 22

 

O septo nasal, que deveria separar uma narina da outra de forma idêntica, é uma parede constituída por osso, cartilagem e mucosas. Mas como essa separação ideal nem sempre acontece, o desvio pode ser um distúrbio congênito que se manifesta na infância, período de desenvolvimento dos ossos da face, resultar de processos inflamatórios, infecciosos ou alérgicos crônicos ou ser provocado por traumatismos. Como tal problema ainda pode ser assintomático, ele não necessita de cirurgias, exceto no caso da rinoplastia que visa melhorar o aspecto do nariz. Mas se provocar graus variados de obstrução nasal, com retenção de secreções, rinossinusite crônica e sangramentos, além de respiração pela boca, dificuldade para dormir, ronco, apneia, cansaço, dores de cabeça e na face, o ideal é procurar por um médico que poderá avaliar essas condições e indicar o melhor tratamento ou procedimento.

 

Comente aqui